Page 6 - REVISTA_PARDO_VIVO_final_flip
P. 6

O mamute lanoso era uma espécie
adaptada ao frio. Tinha o corpo
protegido por pelos castanhos e
longos contra o clima gelado. Com-
punha a megafauna do Pleistoceno
que ocorreu entre 1,8 milhões a
11 mil anos atrás. O gigantesco
mamífero media cerca de 4 metros
e pesava de 5 a 7 toneladas. Suas
presas podiam chegar até 5 m de
comprimento. Entrou em extinção
por escassez de alimentos.

Mamufante

é possível criar híbrido de mamute e elefante?

Primeiramente, definir que híbrido é o resulta-  Parece coisa de ficção científica, mas não é.    (CRISPR), à partir do DNA de mamutes que
do vivo do cruzamento de dois progenitores       Antes é um cruzamento de peso. Cientistas        foram preservados no permafrost (que é solo
(pais) de raças, linhagens, variedades, espé-    de Harvard estão prestes a ressuscitar e trazer  permanentemente congelado do Ártico). Vão
cies ou gêneros diferentes e que frequente-      de volta à terra o mamute-lanoso, espécie        selecionar os genes que diferem os mamutes
mente é estéril. O exemplo mais conhecido        extinta há milhares de anos. Vai se chamar       dos elefantes e depois inseri-los no genoma
é o burro ou mula, resultante da cruza entre     mamufante, um híbrido do mamute-lanoso           de um embrião de elefante-asiático. Depois o
o cavalo e a jumenta ou entre a égua e o ju-     com o elefante-asiático (seu parente vivo mais   embrião seria implantado em um útero arti-
mento. O hibridismo, natural ou manipulado,      próximo). Os pesquisadores estão utilizando      ficial e o mamufante vai nascer feliz de volta
é comum entre as plantas.                        técnicas modernas de engenharia genética         para o futuro.

Técnicas modernas de engenharia genética

George Church apresentou a ideia no              mento global. Ao caminhar pela neve, a
Encontro Anual da Associação Ameri-              camada perfuraria permitindo a entrada
cana para o Avanço da Ciência (AAAS)             de ar gelado, mantendo o permafrost em
e ainda não há artigo publicado. O que           temperaturas abaixo do congelamento.
perguntamos é o que fazer e qual a fi-           Também evitaria a extinção do elefan-
nalidade de trazer os mamutes de volta?          te-asiático. Por fim, pergunta-se se seria
Defensores do projeto respondem que os           ético trazer animais já extintos de volta a
mamufantes poderiam ajudar a impedir             vida em um ambiente totalmente novo e
que o permafrost derreta pelo aqueci-            desconhecido para ele?

                                                 Gabriel Rotta

Cientistas criam embriões híbridos de porcos e humanos

Criação é passo importante para o desenvol-      éticas. Cientistas do Laboratório de Expres-     -tronco adultas humanas em embriões de
vimento de órgãos para transplante. Ideia        são Genética do Instituto Salk na Califórnia     suínos. Permitiram que elas crescessem por
alimenta controvérsias e levanta questões        criaram pela 1ª vez embriões combinando          quatro semanas.
                                                 células-tronco de humanos e porcos. Isso         Mais de 150 embriões se desenvolveram em
                                                 significa um passo importante em direção         “quimeras” – (mistura humano-animal em
                                                 ao desenvolvimento de órgãos para trans-         referência à figura híbrida da mitologia gre-
                                                 plante e assim resolver a escassez de órgãos.    ga). A ideia de criar misturas entre humanos
                                                 “O objetivo é desenvolver tecidos, órgãos        e animais provoca controvérsias e levanta
                                                 funcionais e transplantáveis, mas estamos        questões éticas. Tese contrária teme a cria-
                                                 longe disso”, declarou o Prof. Belmonte.         ção de animais com qualidades humanas, e
                                                 A técnica consiste em implantar células-
                                                                                                  possivelmente inteligência.

Está no Livro do Gênesis, capítulo 2, versí-      Brincando de DEUS?                              ginar outros órgãos, criou uma célula viva
culo 7: “E formou o Senhor Deus o homem                                                           com um genoma artificial. Para muitos re-
do pó da terra, e soprou em suas narinas o       conhecimento, simulou os instantes após o        ligiosos, ele agora começa a brincar de ser
fôlego da vida”. E, então, o homem adquiriu      Big Bang (a explosão cósmica que originou        Deus. E você, o que acha de tudo isso?
                                                 o universo), produziu cópias idênticas de
                                                 animais, descobriu células capazes de ori-

PardoVIVOabril 06
   1   2   3   4   5   6   7   8   9   10   11